> ...

domingo, 3 de abril de 2011

QUEM PECOU, SENHOR,

PARA ELE TER NASCIDO CEGO.
Ao passar, Jesus viu um homem cego de nascença.
Os seus discípulos perguntaram-lhe, então: «Rabi, quem foi que pecou para este homem ter nascido cego? Ele, ou os seus pais?»
Jesus respondeu: «Nem pecou ele, nem os seus pais, mas isto aconteceu para nele se manifestarem as obras de Deus.
Temos de realizar as obras daquele que me enviou enquanto é dia. Vem aí a noite, em que ninguém pode actuar.
Enquanto estou no mundo, sou a luz do mundo.»
Dito isto, cuspiu no chão, fez lama com a saliva, ungiu-lhe os olhos com a lama
e disse-lhe: «Vai, lava-te na piscina de Siloé» que quer dizer Enviado. Ele foi, lavou-se e regressou a ver.
Então, os vizinhos e os que costumavam vê-lo antes a mendigar perguntavam: «Não é este o que estava por aí sentado a pedir esmola?»
Uns diziam: «É ele mesmo!» Outros afirmavam: «De modo nenhum. É outro parecido com ele.» Ele, porém, respondia: «Sou eu mesmo!»
Então, perguntaram-lhe: «Como foi que os teus olhos se abriram?»
Ele respondeu: «Esse homem, que se chama Jesus, fez lama, ungiu-me os olhos e disse-me: 'Vai à piscina de Siloé e lava-te.' Então eu fui, lavei-me e comecei a ver!»
Perguntaram-lhe: «Onde está Ele?» Respondeu: «Não sei.»
Levaram aos fariseus o que fora cego.
O dia em que Jesus tinha feito lama e lhe abrira os olhos era sábado. 

Os fariseus perguntaram-lhe, de novo, como tinha começado a ver. Ele respondeu-lhes: «Pôs-me lama nos olhos, lavei-me e fiquei a ver.»
Diziam então alguns dos fariseus: «Esse homem não vem de Deus, pois não guarda o sábado.» Outros, porém, replicavam: «Como pode um homem pecador realizar semelhantes sinais miraculosos?» Havia, pois, divisão entre eles.
Perguntaram, então, novamente ao cego: «E tu que dizes dele, por te ter aberto os olhos?» Ele respondeu: «É um profeta!»
Ora os judeus não acreditaram que aquele homem tivesse sido cego e agora visse, até que chamaram os pais dele.
E perguntaram-lhes: «É este o vosso filho, que vós dizeis ter nascido cego? Então como é que agora vê?»
Os pais responderam: «Sabemos que este é o nosso filho e que nasceu cego; 

mas não sabemos como é que agora vê, nem quem foi que o pôs a ver. Perguntai-lhe a ele. Já tem idade para falar de si.»
Os pais responderam assim por terem receio dos judeus, pois estes já tinham combinado expulsar da sinagoga quem confessasse que Jesus era o Messias.
Por isso é que os pais disseram: 'Já tem idade, perguntai-lhe a ele'.
Chamaram, então, novamente o que fora cego, e disseram-lhe: «Dá glória a Deus! Quanto a nós, o que sabemos é que esse homem é um pecador!»
Ele, porém, respondeu: «Se é um pecador, não sei. Só sei uma coisa: que eu era cego e agora vejo.»
Eles insistiram: «O que é que Ele te fez? Como é que te pôs a ver?»
Respondeu-lhes: «Eu já vo-lo disse, e não me destes ouvidos. Porque desejais ouvi-lo outra vez? Será que também quereis fazer-vos seus discípulos?»
Então, injuriaram-no dizendo-lhe: «Discípulo dele és tu! Nós somos discípulos de Moisés!
Sabemos que Deus falou a Moisés; mas, quanto a esse, não sabemos donde é!» Replicou-lhes o homem:
«Ora isso é que é de espantar: que vós não saibais donde Ele é, e me tenha dado a vista!
Sabemos que Deus não atende os pecadores, mas se alguém honrar a Deus e cumprir a sua vontade, Ele o atende.
Jamais se ouviu dizer que alguém tenha dado a vista a um cego de nascença.
Se este não viesse de Deus, não teria podido fazer nada.»
Responderam-lhe: «Tu nasceste coberto de pecados e dás-nos lições?» E puseram-no fora.
Jesus ouviu dizer que o tinham expulsado e, quando o encontrou, disse-lhe: «Tu crês no Filho do Homem?»
Ele respondeu: «E quem é, Senhor, para eu crer nele?»
Disse-lhe Jesus: «Já o viste. É aquele que está a falar contigo.»
Então, exclamou: «Eu creio, Senhor!» E prostrou-se diante dele.
Jesus declarou: «Eu vim a este mundo para proceder a um juízo: de modo que os que não vêem vejam, e os que vêem fiquem cegos.»
Alguns fariseus que estavam com Ele ouviram isto e perguntaram-lhe: «Porventura nós também somos cegos?»
Jesus respondeu-lhes: «Se fôsseis cegos, não estaríeis em pecado; mas, como dizeis que vedes, o vosso pecado permanece.»                
Jo 9,1-41 

AMADOS DE DEUS, o Senhor Jesus, está  sempre passando as santas mãos em 
 nós,retirando todas as nossas enfermidades.
Espero piamente, que Ele retire de nós todas as trevas que impedirem o seu livre acesso em nosso coração e em nossa alma.
Jesus deseja ser encontrado, contemplado e amado por todos. Ele está sempre pertinho de nós, impedindo que nos percamos de nós mesmos. Ele sempre contempla a nossa vida enxertando-a de Amor e Misericórdia. Ele, o Senhor Jesus, sempre nos invade e mergulha todo o nosso ser em seu infinito Amor Misericordioso. E nós, o que oferecemos em troca ?
Se olharmos para dentro do poço interior, veremos que quase não temos o que oferecer ao meu Amado Senhor. Somos pobres,de marré de si. Não porque sejamos pobres, é que o muito que recebemos, geralmente, canalizamos ou derramamos onde não deveríamos. É  o famoso desperdício de bênçãos e graças. ELE nos oferece tudo, e de nós só recebe  migalhas.,,
PRECISAMOS LIMPAR AS RETINAS.
Porque não experimentarmos a quaresma,para limpar um pouco mais os nossos olhos, para que possamos banhar nossa vida, e regá-la de bênçãos e paz?
A BÍBLIA, ajuda muito neste processo de conversão.Vamos aprofundar um pouco mais o conhecimento, para que através da Sagrada Escritura, enxerguemos melhor e saibamos, que tipo de pegadas estamos deixando na terra.
Vejo muitos irmãos, buscando a salvação através de novenas, mas isso ainda é pouco. É necessário uma caminhada, um despojamento de si mesmo. Não adianta falar de entrega, comendo do bom e do melhor sem a leveza de consciência. Aquela, que me faz meditar: "Nossa, estou com tantas guloseimas, será que aquele meu irmão, aquela minha irmãzinha, também tem ?" Temos que pensar, antes de falar. Realizar, antes de cobrar dos outros. Viver o que pregamos, para não sermos mentirosos e causarmos gargalhadas em meio a platéia que nos escuta.
A coerência deve ser o nosso objetivo principal.
As pessoas sabem muito bem quem somos. As nossas atitudes, o nosso estilo de vida, revela. Ninguém poderá ser por muito tempo joio e trigo. Um dia o próprio Deus permitirá que seja revelado sobre os telhados das casas, o que realmente somos. 
A Palavra de Deus é a justiça personificada. Ela
nos acalma e nos dá a certeza de que estamos certos. Ela é Fonte de Sabedoria dos pequeninos e indefesos. É também a Luz dos caluniados, perseguidos e difamados.  E é caminho para os que percorreram estradas que não deveriam percorrer.Isso porque Deus ama os cegos que n'Ele voltaram a enxergar com clareza.
Amados, hoje é o grande dia ! Vamos gritar bem alto para o mundo ouvir : "Quem caminha com Jesus, jamais andará nas trevas".
Que Ele cure nossa cegueira e nos conceda a luz ,para que enxerguemos hoje sempre com os olhos do coração e da alma. 
JESUS, TENDE PIEDADE DE MIM !
Fiquemos em Paz !
POR-COM-EM CRISTO E MARIA,
Me. Sônia de Maria.
   

2 comentários:

  1. Merci beaucoup grâce à vous du ciel.

    ResponderExcluir
  2. Apa berkat! Ibu, Engkau Tuhan.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...